Sem coleta há dez dias, cidade na Bahia convive com acúmulo de lixo e mau cheiro

Moradores de Ilhéus, no Litoral Sul, seguem sem coleta de lixo há cerca de dez dias. O problema ocorre desde quando a prestadora do serviço teve o contrato encerrado pela prefeitura. Nesta quinta-feira (23), um grupo de pessoas protestou ao colocar uma quantidade de lixo na Avenida Roberto Santos, no bairro Esperança, uma das mais movimentadas da cidade. Para passar pelo local, motoristas precisam desviar. Segundo a TV Santa Cruz, residentes de condomínio passaram a pagar caçambas particulares para poder evitar o acúmulo de lixo nos residenciais. O serviço sai por cerca de R$ 500. Além da quantidade de lixo, o mau cheiro dos resíduos também chama a atenção. Enquanto não encaminha nova licitação, a prefeitura usa caçambas do município para minimizar a situação. Em nota, a prefeitura pediu compreensão aos moradores e disse que dentro de uma semana uma nova empresa deve assumir o setor de coleta urbana. “Acreditamos que dentro de mais ou menos uma semana já estaremos sob a vigência de um contrato regular, com novas rotas e horários buscando uma coleta mais eficiente, pontual e que corresponda às expectativas da população ilheense. Nos desculpamos pelos transtornos momentâneos e agradecemos a cooperação da nossa população”, informou a secretaria de serviços urbanos (Secsurb).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *