Brasil é exemplo de ‘melhores práticas’ contra pandemia, diz Banco Mundial

O Banco Mundial citou uma resolução do Ministério da Economia como um exemplo de “melhores práticas” na administração da pandemia do novo coronavírus. O documento foi publicado pela instituição financeira internacional na última quarta-feira, 1º de abril. A medida do governo Jair Bolsonaro elogiada pelo Banco Mundial reduz temporariamente a alíquota de impostos sobre a importação de itens médicos e materiais de higiene. No documento, segundo o site Poder360, o Banco Mundial declarou: “O governo brasileiro introduziu nova legislação que simplifica os processos de desembaraço aduaneiro de artigos utilizados para combater a propagação da covid-19.” E acrescentou: “A legislação permite artigos como desinfetantes, géis antissépticos, máscaras protetoras e outros artigos essenciais necessários aos hospitais, farmácias, etc.” Ainda de acordo com o relatório do Banco Mundial, manter os fluxos comerciais o máximo possível durante a crise de Covid-19 será “crucial” para fornecer acesso a alimentos e itens médicos essenciais que limitem a propagação do coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *