Saiba quais os melhores produtos de limpeza para matar o coronavírus; confira lista

“Artigo de luxo”… assim pode ser definido o álcool gel em meio ao caos da pandemia do coronavírus. Se antes o produto ficava esquecido na bolsa ou no carro, com o avanço do vírus se espalhando pelo mundo, o álcool gel virou objeto de desejo de muitos e não é para menos. De acordo com o infectologista da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo, João Prats, o álcool gel com concentração de 70% e a água com sabão são as melhores formas de higienizar as mãos e evitar a contaminação. “Além desses, produtos de limpeza com cloro e até mesmo o álcool ‘comum’, com porcentagem menor, são efetivos”, aponta o especialista.
Invista nestes produtos para higienizar ambientes e matar o coronavírus:
•    Água sanitária
•    Desinfetantes em geral
•    Limpadores multiuso com cloro
•    Limpadores multiuso com álcool
•    Álcool de limpeza (líquido)
•    Detergente
•    Sabão

ÁLCOOL E SABÃO 

Ambos os métodos são efetivos para quebrar a cápsula de gordura protetora do vírus e destruí-lo. “No caso do álcool, o valor de 70% é o recomendado para higienizar o corpo por ser o mais efetivo —na mão, a limpeza precisa ser imediata”, explica o especialista.

TRANSMISSÃO POR SUPERFÍCIES 

Justamente por ser envolvido por uma camada gordurosa, o vírus não sobrevive por muito tempo fora do corpo humano – a estimativa do especialista, feita com base em outros vírus similares, é que ele dure de seis a 24 horas dependendo da temperatura e umidade do ambiente e do tipo de superfície.
Já de acordo com estudo da Universidade de Princeton (EUA), o coronavírus pode sobreviver por até 72 horas em materiais como plástico e metal inoxidável. Em papelão, pode durar 24 horas. “Também vale pensar no tempo que a pessoa infectada está no mesmo lugar. Se ficar o dia todo em um quarto, estará colocando novas partículas nos objetos a todo momento. Mas, se apenas passou por um local, deixará uma quantidade menor do vírus ali, que deverá desaparecer em algumas horas”, esclarece Prats. Para limpar locais frequentados por várias pessoas, como já explicamos, os desinfetantes comuns, produtos com cloro e álcool ou até mesmo água e sabão são efetivos. (AratuON)