Natural de Valente, Fábio Mota é eleito presidente do Vitória pelos próximos três anos

18/09/2022 11:17 •
Warning: Undefined variable $post in /home/wwavoz/public_html/wp-content/themes/avozdocampo/functions.php on line 17

Warning: Attempt to read property "ID" on null in /home/wwavoz/public_html/wp-content/themes/avozdocampo/functions.php on line 17
2m de leitura

Os sócios do Vitória que compareceram ao Barradão neste sábado (17) deram um voto de confiança ao atual presidente Fábio Mota e o elegeram para comandar o clube por mais três anos. Mota que é natural do município de Valente, na região do sisal, foi o escolhido para administrar o Leão no triênio 2023-2025, após o encerramento do mandato vigente, em dezembro. Fábio Mota recebeu 67% dos votos e superou os concorrentes José Guerra, Victor Mendes e Ângelo Alves, que nesta ordem completaram a classificação. Djalma Abreu, atual diretor de patrimônio, será o vice-presidente. “É um número muito expressivo, que nos dá, primeiro, muita responsabilidade pelo tamanho da vitória. Segundo, o agradecimento nesses 10 meses que eu estou no clube pelo reconhecimento do sócio torcedor que veio aqui e votou na gente”, disse o vencedor. “É a maior vitória da história da eleição direta no Vitória”, celebrou.

Placar da votação:

Fábio Mota:  821 votos (66,4%)
José Guerra: 200 (16,2%)
Victor Mendes: 153 (12,3%)
Ângelo Alves: 63 (5,1%)

Total: 1.237 votos

Aos 52 anos, é a primeira vez que Fábio Mota é eleito diretamente para o cargo. Ele assumiu a presidência em outubro de 2021, após o afastamento do então presidente Paulo Carneiro e a licença do vice-presidente Luiz Henrique. Por ser o presidente do Conselho Deliberativo na época, Mota era o próximo na linha sucessória. Ficou como interino até maio deste ano, quando Paulo Carneiro foi destituído e ele acabou efetivado. Sua continuidade é uma vitória do mesmo grupo que venceu a eleição passada, em 2019, porém com a diferença de não ter mais Paulo Carneiro entre os aliados. A chapa leva o nome de Reconstruindo o Vitória, principal bandeira levantada por Fábio Mota desde que assumiu o clube. O atual presidente elenca mudanças nas divisões de base e ajuste de dívidas como seus principais feitos nos quase 11 meses de mandato que teve até então. Advogado de formação e ex-secretário municipal de Salvador em diversas pastas (Cultura e Turismo, Transportes, Serviços Públicos, Mobilidade) nas gestões de João Henrique, ACM Neto e Bruno Reis, o dirigente trabalha atualmente também na campanha do ex-prefeito ACM Neto ao governo do estado.

*Correio da Bahia

Leia também