Mais 62 mil famílias da Bahia podem receber gratuitamente a nova parabólica digital

11/01/2024 09:55 •
Warning: Undefined variable $post in /home/wwavoz/public_html/wp-content/themes/avozdocampo/functions.php on line 17

Warning: Attempt to read property "ID" on null in /home/wwavoz/public_html/wp-content/themes/avozdocampo/functions.php on line 17
2m de leitura

Mais de 200 mil famílias da Bahia fizeram a substituição da antena parabólica antiga pela nova parabólica digital, por meio da Siga Antenado. Agora, a entidade inicia uma nova fase de atuação, abrindo agendamento para a instalação do kit em mais nove municípios baianos, com previsão de beneficiar cerca de 62,2 mil lares. As novas cidades com agendamento aberto são: Conceição do Coité, Euclides da Cunha, Iraquara, Itaberaba, Lençóis, Mucugê, Palmeiras, Seabra e Serrinha. Somente em Feira de Santana mais de 30 mil kits já foram instalados.

Serviço

Para saber se tem direito ao benefício e agendar a instalação, é preciso acessar o site sigaantenado.com.br. No lado direito e no alto da tela, clique no botão “Programa de Distribuição de Kit” e informe o NIS (Número de Identificação Social) ou CPF. Se o agendamento já tiver começado em sua cidade e seu nome estiver na lista, é só preencher um questionário para que a equipe da Siga Antenado verifique se está apto a fazer receber o benefício. Outra opção é ligar para o ligar para 0800 729 2404, número que também funciona como WhatsApp. O próprio beneficiário define a melhor data para receber, em casa, o técnico, que apenas confere a documentação do morador antes de fazer a substituição da parabólica tradicional pela nova parabólica digital. Ele não solicita dados bancários, nem exige pagamento pela instalação do kit digital, que contém a antena, o receptor e o controle remoto já com as pilhas. O aparelho antigo fica com o morador. “É muito importante que as pessoas procurem nossos canais de atendimento o quanto antes para saber se têm direito ao kit gratuito e agendar a substituição da parabólica antiga pela nova parabólica digital”, alerta o CEO da Siga Antenado, Leandro Guerra. “Além da imagem de melhor qualidade e som perfeito, a troca dos equipamentos é a garantia de evitar o risco de ficar sem TV quando o sinal da parabólica tradicional for desligado”.

Calila Notícias*

Leia também