Professores fazem manifestação em frente à Prefeitura de Araci por pagamento do rateio e precatórios da educação

Professores e outros servidores da rede municipal de educação de Araci fizeram uma manifestação na manhã desta segunda-feira (3) em frente à Prefeitura Municipal, para reivindicar a prestação de contas do Fundeb e o rateio dos recursos com a categoria, além de pagamento dos precatórios do Fundef.

Fotos: Leitor Voz do Campo

O grupo saiu do portal da cidade e circulou pela Rua José Pinheiro até o órgão municipal. Faixas com frases de efeito com tom de manifesto foram expostas pelos profissionais da educação. Para o professor Jailson Andrade, da regional do distrito de João Vieira, que também participa do protesto, a categoria pede transparência sobre o rateio. “Queremos mais transparência nos recursos do fundeb por parte do município. É isso que nós educadores reivindicamos. O município deveria explanar quanto foi gasto com servidor e despesa com a escola” disse ao Voz do Campo. Jailson disse ainda que Araci só atingiu segundo o sindicato APLB, 67% em gasto com a folha de pagamento. “Isso significa que 70% é o mínimo. Então a sobras do rateio. Outros municípios atingiram muito mais que isso e ratearam com a categoria,” diz. Sobre o pagamento dos precatórios, outra pauta de reivindicação na manifestação, o professor disse que a sensação é de angustia e incertezas do pagamento.

Versão da Gestão Municipal

Em um vídeo divulgado, a prefeita Keinha Jesus e o secretário de Educação Anastácio Carvalho descartaram a possibilidade de pagar o rateio e explicaram os motivos. Assista abaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.