Deputado propõe alteração no selo ‘Made in Bahia’; veja mudanças no projeto

O deputado estadual Alex da Piatã (PSD) enviou à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) um pedido de alteração para que não seja mais obrigatório que todas as indústrias e fábricas situadas no estado informem que seus produtos são industrializados ou fabricados em território baiano. O projeto inicial foi sancionado pelo governador Rui Costa (PT). Antes, havia sido aprovado pela AL-BA no dia 16 de julho do ano passado. Desta forma, as empresas poderiam ou não incluir o selo em seus produtos. O projeto ajusta a disponibilização de linha de crédito específica para essas empresas a ser criada pela Desenbahia. Além disso faz a inclusão das empresas que aderiram ao Selo em campanhas publicitárias a serem desenvolvidas pelo Governo do Estado com o objetivo de valorizar a qualidade e a origem da  produção baiana e a pontuação adicional na compra de produtos fabricados na Bahia dentro do programa Nota Premiada Bahia. “Esse PL é muito importante e chega em boa hora. Momento em que a economia baiana sente os impactos da pandemia. O espírito do PL é valorizar e incentivar a utilização do selo Made in Bahia, criando um ambiente de negócios mais favorável para as empresas baianas. Acreditamos muito no selo”, comemorou Carlos Falcão, presidente do Grupo Business Bahia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *