Hackers atacam fornecedor da Apple e pedem US$ 50 milhões

A Quanta – empresa que fabrica MacBooks, e outros dispositivos, para a Apple – está sendo alvo de um ataque de ‘ransomware’ – um tipo de software que bloqueia o acesso ao sistema em troca de um resgate pago em criptomoedas. O grupo russo REvil assumiu a responsabilidade pelo ataque. Os sequestradores pedem a quantia de US$ 50 milhões de dólares pela devolução dos documentos roubados. As informações são do The Record. Os hackers afirmam ter acesso aos esquemas de produção de atuais e futuros dispositivos que a Quanta produz para a Apple. O valor pedido é uma chantagem para não divulgar as informações confidenciais da empresa. A Quanta confirmou a invasão dos seus servidores e o roubo de documentos. A empresa ainda se mostrou inclinada a não ceder à chantagem e não deverá pagar os US$ 50 milhões até a data de 27 de abril. Segundo a Exame, o REvil ameaçou subir o valor para US$ 100 milhões caso a Quanta perca o prazo do resgate. Agências de proteção de dados e autoridades trabalharam para diminuir o impacto da invasão e encontrar os culpados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *