Superação: Sem a visão há mais de 30 anos, homem estuda e se forma em mais de 3 cursos técnicos em Araci; “Nunca parei de estudar”

Com uma história se superação, Mamedio dos Santos Pereira de 48 anos, perdeu a visão tem mais de 30 anos, desde então estuda e se formou em mais de 3 cursos técnicos em Araci. “Não sei porque perdi a visão, fui no oftalmologista e eles não descobriram o que foi. Em 1987 eu ainda enxergava, então quando eu perdi total em 1988 eu já havia lido o Alfabeto, morava nos espinhos zona rural de Araci, há 50km do município, fiquei com o ABC na mamória e após perder a visão meu maior sonho era poder continuar estudando. Quando foi em 2005 comecei a escrever na escola, com muito treino, no final de 2011 eu fui para escola regular, onde antes estava no núcleo, estudei e conclui o Ensino Médio na Pedra Alta. Em 2018 vim morar na sede, e desde então venho estudando, nunca parei de estudar, fui fazer curso em Salvador de Massoterapia, fiz curso de mediação extrajudicial, onde hoje trabalho na Ação Social em Araci, e hoje ainda faço curso de Logística, não parei, e pretendo fazer mais e mais cursos técnicos”.

Com meu maior sonho de entrar em uma Universidade, faço o Enem todo ano, nunca parei, e sigo firme estudando e buscando sempre o que gostamos de fazer, que no meu caso é estudar. Viajo para todos os lugares, participo de eventos e tudo mais sem dificuldades hoje, graças a Deus tenho muita Fé e pessoas boas ao meu redor que me ajudam”, disse Mamédio em entrevista a Voz do Campo.

Mamedio possui um Bíblia em Braille, onde todos os dias alimenta sua fé, além de possui o Reglete, aparelho de escrita em Baille, onde em visita nesta segunda-feira (19), escreveu “Voz do Campo” como exemplo e homenagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *