Solidariedade: Voluntárias se unem e criam grupo de ajuda social em Araci para arrecadar fraldas geriátricas

Com espírito de solidariedade, algumas voluntárias da cidade de Araci se uniram na criação de um grupo de ajuda social para arrecadar fraldas geriátricas. O Projeto Anjos Solidários nasceu no dia 03 de Junho de 2020, com apenas quatro senhoras: Amandia Barreto, Dulce Pinheiro, Elcione Andrade e Verbênia Martins. Hoje o projeto conta com quarenta e três senhoras cadastradas atuando como voluntárias, dez compõe a comissão organizadora. Para fazer parte do grupo se faz necessário está dentro dos critérios do regulamento estabelecido pela comissão, adotar pessoas que usam fraldas geriátricas, fazer visitas e dar suporte à família, coletar entre amigos e família, as fraldas geriátricas, materiais hospitalares e de higiene pessoal para serem doados aos anjos acamados. Iniciou-se com apenas dez pessoas acamadas, que eram atendidos de vez em quando e hoje se tem noventa e cinco anjos acamados sendo atendidos mensalmente.

“Isto iniciou a partir do momento que passei a cuidar do meu irmão que é especial a dois anos atrás que veio para meus cuidados, assim pude perceber a dificuldade que é com o consumo de fralda. Comecei com algumas doações próprias, mas ficou pesado, então tive a ideia de chamar algumas amigas para ajudar. Várias bênçãos poderiam ser elencadas, uma delas, foi o gesto de solidariedade de três anjos que orientaram sobre os direitos à assistência domiciliar, conhecida como “home CARE”. Dr. Alberto Carvalho, Dr. Jedson Andrade (Jeu de Cica) e Dr. Gledson Mascarenhas Miranda (Guegeu), foram os maiores responsáveis pela criação desse projeto, onde eles se empenharam para conseguir a assistência especializada e não cobraram nada. Além das enfermeiras Joseane Bezerra, Meuriana e toda equipe técnica de enfermagem que estão atuando até hoje com os acamados da minha família. Hoje temos farmácias e mercados que nos ajudam em descontos e doações de fraldas. Toda ajuda é bem vinda, então, se alguém quiser participar como “madrinha” do projeto pode nos procurar”, disse Amandia Barreto, uma das criadoras do projeto.

O projeto possuí alguns pontos de doações na cidade, os locais são: Farmácia Popular, Farmácia Mercês, Farmácia do Paulo, Supermercado Compre Fácil, Supermercado Santiago, Mercado do Roni, Loja de Fraldas e Companhia, JLC Material de Construção e na residência de Amandia na Av.Aracaju, nº260. Para mais informações sobre o protejo entre em contato através do número: (75) 99715-5699.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *