Após reunião com comerciantes, prefeito de Santaluz decide autorizar reabertura de atividades não essenciais a partir de quarta (10): ‘independente da posição do Estado’

Em reunião por videoconferência com cerca de cem comerciantes, na noite desta segunda-feira (8), o prefeito de Santaluz, Arismário Barbosa Júnior (Avante), firmou o compromisso de autorizar a reabertura do comércio não essencial a partir de quarta-feira (10). Demonstrando estar bastante sensibilizado com os relatos dos comerciantes sobre dificuldades enfrentadas durante a pandemia, o prefeito anunciou que a medida será regulamentada por meio de decreto que será publicado no Diário Oficial do Município. Questionado, o gestor afirmou que o funcionamento das atividades será liberado mesmo que o governo estadual resolva prorrogar as restrições impostas aos comerciantes do município, em vigor desde o último sábado. “Firmamos um compromisso com os comerciantes”, garantiu. Arismário disse ainda que sua a decisão será comunicada ao governador Rui Costa durante uma reunião online prevista para acontecer na tarde desta terça-feira (9). O prefeito, no entanto, condicionou a liberação do comércio ao cumprimento das medidas sanitárias relacionadas à prevenção da Covid-19. “Ao menor sinal de descumprimento do que foi proposto aqui, teremos que dar um passo atrás novamente”, alertou o gestor.

Cenário epidemiológico

Os dados oficiais mostram que nas últimas semanas Santaluz vem reduzindo significativamente o número de casos ativos de Covid. No último sábado, por exemplo, a cidade alcançou o menor patamar de 2021, totalizando 158 pacientes com o vírus ativo. Em janeiro desse ano, em meio a uma escalada de novos diagnósticos de infecção, o município atingiu a marca recorde de 359 casos ativos, ocasionando o agravamento da pandemia.(Notícias de Santaluz)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *