Idosa deixa herança de R$165 milhões para hospitais e ONGs

A professora aposentada Marisa Cavanna, surpreendeu vizinhos e toda a cidade de Gênova, na Itália. Ela deixou 25 milhões de euros (cerca de R$ 165 milhões) de herança a várias organizações e instituições de caridade, incluindo dois dos principais hospitais de sua cidade. Marisa era considerada uma pessoa muito reservada. Ela faleceu no final do ano passado, aos 96 anos e, segundo vizinhos, “ela era de fazer e não falar”. A idosa tinha planejado que 16 organizações receberiam a soma de 25 milhões de euros diretamente de seu espólio, cuja origem é desconhecida, embora se acredite que venha de sua família. O patrimônio total da aposentada era de 40 milhões de euros.

Doações

Marisa descreveu detalhadamente o destino de cada doação. Do total, 5 milhões de euros irão para o hospital Galliera, juntamente com os lucros da venda de um edifício onde a própria professora vivia, que deve valer aproximadamente três milhões de euros. “É uma grande propriedade que vale vários milhões de euros. Ela nos disse para vendê-lo e usar o dinheiro em pesquisa e inovação”, contou o diretor geral do hospital Galliera, Adriano Lagostena. O hospital pediátrico Gaslini, também em Gênova, receberá cinco milhões, assim como a Associação Italiana de Pesquisa do Câncer. Além dos hospitais, Marisa também destinou uma grande quantia a ONGs. Entre as beneficiadas estão a Anistia Internacional, Save the Children, as Pequenas Irmãs dos Pobres e as Missionárias da Obra de Santa Teresa de Calcutá. Com informações de Corriere de La Sera

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *