ALBA: Deputados apostam que oposição será fiel da balança e Rui ficará neutro em eleição

Deputados estão convencidos que a oposição, mais uma vez, será o fiel da balança na eleição para presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). Parlamentares ouvidos pelo bahia.ba dizem ainda que a possível neutralidade do governador Rui Costa (PT) acirará ainda mais a disputa entre Niltinho, do grupo ligado ao atual presidente da Casa, Nelson Leal (PP), e de Adolfo Menezes (PSD), do grupo do senador Otto Alencar. “Com 17 votos, a oposição, novamente, é quem decidirá a eleição. O grupo do ex-prefeito ACM Neto votará fechado ou em Niltinho ou em Adolfo, não acredito que os votos sejam repartidos. Estamos conversando muito e logo decidiremos”, afirma um deputado que prefere manter o anonimato. Já outro parlamentar, diz acreditar que a candidatura de Niltinho vem ganhando espaço nos últimos tempos e que se a eleição fosse hoje, o pepista venceria o pleito com 38 votos. “Ele tem mais de 38 votos ou 38 fechados. Ganhou espaço nas últimas semanas e hoje venceria a eleição com os votos da oposição. Adolfo deve ter os votos do PSB e talvez de alguns deputados do PT. O certo é que hoje a eleição é de Niltinho, mas tudo pode mudar com as conversas e articulações”, analisa. Sobre a possível neutralidade do governador Rui Costa no pleito, os deputados são unânimes em dizer que isso elevará a temperatura da disputa. “Hoje a tendência é que Rui fique neutro. Ele defende um nome de consenso, um nome único para a base. Se não houver esse nome, ele manterá a neutralidade, que vai acirrar a disputa entre Niltinho e Adolfo. Acho que o caminho é a neutralidade”, ressalta outro parlamentar. A eleição para o comando da Alba acontecerá no mês de fevereiro. (Com informações do site Bahia.Ba)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *