PRF inicia Operação Rodovida 2020/2021 com foco na redução da violência no trânsito na Bahia

Integrar para proteger vidas. Essa é a proposta da Operação Rodovida 2020/2021 capitaneada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública por intermédio da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A ação teve início nesta quinta-feira (17) e segue até o dia 21 de fevereiro nas rodovias federais da Bahia e de todo o país. A operação tem como premissa básica a integração entre os diversos órgãos públicos da União, Estados e Municípios com o intuito de somar forças no enfrentamento à violência no trânsito e na redução dos custos sociais decorrentes. A ideia é sensibilizar cada um dos atores do trânsito a respeito do seu papel, das suas obrigações e os cuidados necessários para proteger a vida. Estão previstas ações temáticas sobre as principais causas de acidentes graves, bem como ações de educação para o trânsito, que promovam a criação de um sentimento de empatia pelos demais usuários da rodovia. Durante o período da operação, a PRF intensificará as ações de fiscalização, focadas principalmente os relacionados as condutas de ultrapassagens proibidas, à embriaguez ao volante, ao não uso do cinto de segurança e demais dispositivos de retenção obrigatórios, ao uso do celular ao volante, ao transporte de carga e trânsito irregular de motocicletas e ciclomotores. A Rodovida visa conscientizar condutores, ciclistas, pedestres e passageiros a tornar o trânsito mais seguro, através da mudança de atitude, ressaltando que cada um é responsável pela segurança de todos e, por isso, deve perceber os riscos e proteger a própria vida e a dos demais ao seu redor. Aliado as ações de fiscalização, os órgãos promoverão campanhas publicitárias de conscientização em todo o Brasil, buscando sensibilizar os usuários das rodovias na construção de um trânsito mais seguro. Este ano, a operação contará com uma campanha que avançará na discussão da responsabilização dos causadores dos acidentes como forma de reduzir a violência no trânsito e os custos sociais decorrentes.

Rodovida na Bahia

A Superintendência de Polícia Rodoviária Federal na Bahia (SPRF-BA) elaborou um planejamento seguindo as diretrizes da Rodovida e ao mesmo tempo considerando as características e especificidades das rodovias federais do estado. Foram realizados levantamentos com identificação dos trechos de rodovias que merecem maior atenção nesse período. Todas as dez Delegacias PRF do estado baiano adotarão as medidas para coibir as ultrapassagens irregulares, o consumo de álcool, o não uso do cinto e da cadeirinha e o trânsito irregular de motocicletas, dentre outras. Em alguns pontos, porém, em virtude de um histórico maior de acidentes nesse período do ano, haverá uma atenção especial, inclusive com reforço de efetivo. A exemplo da BR 324, por concentrar o maior fluxo de veículos, principalmente, o trecho entre Salvador e Feira de Santana, quanto a BR 101, por conter municípios de grande atração de viajantes.

Transformação Digital

Este ano, as ações de educação para o trânsito conta com uma novidade: motoristas e motociclistas receberão orientações sobre segurança viária e como evitar acidentes através de panfletos virtuais que os agentes da PRF distribuirão por meio de smartphones. Durante as abordagens, os PRFs distribuirão panfletos de forma virtual por meio do sistema de QR Code, no qual o motorista faz a leitura de um código com a câmera de seu smartphone e terá acesso às informações e vídeos sobre diversos assuntos relacionados à segurança no trânsito. Este material virtual trata de temas como: a importância do cinto de segurança, como realizar a revisão do veículo antes de uma viagem, como checar os pneus antes de usar o carro, bem como dicas sobre dirigibilidade e sobre como viajar de motocicleta. Essa inovação representa mais um passo na transformação digital pela qual a PRF tem passado e se comprometido.(Ascom PRF)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *