Polícia encerra rinha de galo na Bahia e 127 animais são apreendidos; 14 pessoas são notificadas

Após denúncia anônima, a Polícia Militar encerrou uma rinha de galos no domingo (23), em Salvador. Inicialmente, a polícia havia informado que cerca de 100 pessoas envolvidas foram flagradas por policiais militares da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (COPPA), mas apenas 14 tiveram o Termo Circunstanciado lavrado na delegacia. Na manhã desta segunda-feira (24), a PM informou que, por volta das 11h de domingo, foi acionada para atender a uma denúncia anônima de rinha de galo na Rua Melo Moraes Filho, no Alto do Peru, em Salvador, próximo ao bairro São Gonçalo do Retiro. Segundo a PM, guarnições da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa) constataram o fato e encontraram 127 galos, com características terem sido utilizados em rinha. Ainda no local, os policiais encontraram seringas e indícios da prática do crime de maus-tratos aos animais. A PM ainda informou que os galos e as seringas foram apreendidos, bem como foi lavrado Termo Circunstanciado em desfavor de 14 pessoas que estavam no endereço. Eles foram apresentados na 5ª delegacia, juntamente com o material apreendido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *