Governo amplia prazo para saques do Bolsa Família durante pandemia

O governo federal ampliou o prazo para saques do benefício do Bolsa Família enquanto durar o período de pandemia do novo coronavírus. Atualmente, segundo decreto de 2004 que trata do programa, os benefícios podem ser restituídos ao Bolsa Família quando não forem sacados no prazo de até três meses. A prorrogação incidirá em todas as parcelas do Bolsa Família pagas que ainda estejam válidas, segundo o calendário de pagamentos e o calendário operacional do programa. Em junho, a folha de pagamento do Bolsa Família atingiu a marca de 14,283 milhões de famílias atendidas, sendo que mais de 13,6 milhões receberam o Auxílio Emergencial. Outras 650 mil famílias permaneceram na folha de pagamento regular do programa. A lei determina que o pagamento seja o financeiramente mais vantajoso para o cidadão entre o Bolsa Família e o Auxílio Emergencial. O calendário de pagamentos do Bolsa Família para todos os integrantes do programa segue conforme o último número do NIS (Número de Identificação Social) de cada beneficiário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *