Baleada pelo ex, jovem ‘ressuscita’ após morte cerebral atestada

Os aparelhos que mantinham Karina viva estavam prestes a serem desligados. Foi quando seu pai fez uma oração. Baleada pelo ex-namorado por se recusar a reatar o relacionamento, Karina Souto Rocha, 29 anos, teve a morte cerebral constatada, mas reagiu no momento em que os aparelhos seriam desligados. Karina estava internada no Hospital Municipal de Barra do Garças, a 520 quilômetros de Cuiabá (MT). Na última segunda-feira (04), após a ordem de desligamento, uma enfermeira entrou no quarto e viu a paciente mexer a mão. O crime aconteceu no município de Nova Xavantina. A mulher está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Barra do Garças. (Calila Notícias)

Comentários