Contas de Cipó de 2018 são rejeitadas pelo TCM

Na sessão desta quarta-feira (04), o Tribunal de Contas dos Municípios votou pela rejeição das contas da Prefeitura de Cipó. Segundo o TCM, a despesa total com pessoal representou 57,95% da receita corrente líquida, extrapolando, assim, o limite de 54% estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. O prefeito Abel Alves Araújo foi multado em R$3,5 mil pelas irregularidades apontadas no relatório e em R$54 mil, que corresponde a 30% dos seus subsídios anuais, pela não redução da despesa com pessoal. Cabe recurso da decisão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *